Ana Castela encanta na Festa do Peão de Americana, com ballet impecável e desfile de ‘feats’

Publicado em

O principal nome feminino da atualidade na música sertaneja, Ana Castela, chegou à Festa do Peão de Americana já no início da madrugada deste domingo (16), conquistando os corações de uma plateia eclética composta por adultos, adolescentes e muitas crianças encantadas. Em um look todo preto com brilho e chapéu branco, Ana abriu a penúltima noite do evento, dominando uma arena lotada em um dos maiores rodeios do Brasil. Ela dançou ao som de um ballet afinado, digno de estrelas pop, e apresentou seus maiores sucessos, muitos deles com participações especiais de renomados astros da música.

Demonstrando total conforto no palco, Ana Castela exibiu sua potência vocal, energia contagiante e simpatia ao interagir de forma intensa com o público. Em determinado momento, brincou com um espectador: “Você não sabe cantar essa música, melhor contar até dez, fica mais bonito”.

Fotos: Paulo Henrique Marques - @Phmarx_
Fotos: Paulo Henrique Marques – @phmarx_

O show começou com um dos hits mais impactantes de Ana, “Pipoco”, seguido por “As menina da pecuária” e “Bombonzinho“, esta última com a participação de Israel e Rodolffo. O padrão de apresentação incluiu vídeos no telão das participações especiais enquanto Ana cantava ao vivo os trechos dela, como em “Roça em Mim” com Luan Pereira e “Canudinho” com Gusttavo Lima.

Após apresentar “Boiadeira“, música que a tornou conhecida nacionalmente em 2021, Ana Castela trouxe canções mais recentes como “Fronteira” do DVD “Boiadeira Internacional”, com participação de seu namorado Gustavo Mioto, “Dejavu” com Luan Santana e “Foi Intenso” com Zé Neto e Cristiano.

Fotos: Paulo Henrique Marques - @Phmarx_
Fotos: Paulo Henrique Marques – @phmarx_

O encanto que Ana Castela exerce sobre as crianças e adolescentes durante seus shows é notável para qualquer observador da “Boiadeira“. A cantora, em alguns momentos, dirigiu-se diretamente a esse público, como quando disse: “Eu não vou beber agora não, viu, crianças, só depois que eu parar de trabalhar”.

Ana então apresentou seu bloco de regravações recentemente lançadas no projeto “Herança Boiadeira”, incluindo “Tentei de esquecer”, “Cachaceiro”, “Mercedita” e “Convite de casamento”. A parte mais íntima do show veio com “Nosso Quadro”, seguida pelo single recente “Minha Herança”, que aborda sua relação com o campo e a família.

Fotos: Paulo Henrique Marques - @Phmarx_
Fotos: Paulo Henrique Marques – @phmarx_

A apresentação encerrou com músicas mais agitadas como “Juliette e Chapelão”, “Rã Tchu” e o clássico “Clima de Rodeio”. Desde o início até o fim, a arena em Americana esteve pulsante ao ritmo alucinante da cantora, sem um único espaço vazio.

Fotos: Paulo Henrique Marques - @Phmarx_
Fotos: Paulo Henrique Marques – @phmarx_

Fotos: Paulo Henrique Marques – @phmarx_

Para ficar por dentro de tudo sobre o universo dos famosos siga o Cosmopolitam ou no Instagram.

** A opinião expressa neste texto não é necessariamente a mesma deste site de notícias.

** A reprodução deste conteúdo é estritamente proibida sem autorização prévia.

Ultimas Noticias

Leia Tambem

Leia Mais