Connect with us

Noticias

“Coka da BM”: conheça a história do jovem cantor de trap Wallace Queiroz

Publicado a

em

Wallace Queiroz, conhecido como COKA DA BM, natural de Belo Horizonte, Minas Gerais, com apenas 28 anos, esta fazendo sucesso na música no Brasil.

Coka desde sua infancia ja levavá jeito pra musica. Com 4 anos, ja reunia e quebrava os baudes e panelas de sua mãe e tocava em perfeito ritmo, conduzido pelas musicas que seu pai sempre influenciou, como, U2, METALICA, PLANET HAMP E CHARLIE BROWN.

Com 7 anos de idade,ja era baterista da equipe de louvor de uma igreja pentecostal que sua mãe e sua irmãs frequentavam.

E assim ele podia se envolver com a musica desde o inicio de sua infancia, e assim evoluindo
de alguma forma na sua musicalidade…

O PORQUE DO APELIDO COKA?

Justamente porquê até seus 14 anos, Coka era um adolescente gospel. Ele era taxado de careta pelos amigos, pelo seu comportamento diferente dos de mais com a sua mesma faixa de idade, assim logo os colegas apelidaram de COCA COLA, por só tomar refrigerante nas festinhas.

Com idas e vindas, ele ja não mais era da equipe de louvor,e com sede musical ele precisava expressar sua musicalidade, e seu foco, se fixou no hip-hop,
onde ele pegava bases instrumentais de rapers Norte-americanos como 50 CENT, USHER, SNOOP DOG E TUPAC, e assim, começou a escrever musicas, e gravava por cima desses instrumentais suas letras, e desde então o hip-hop o rap, virou sua paixão maior.

Aproveitando que seu pai mora nos Estados Unidos, depois dos seus 18 anos, teve duas passagens
por lá, e assim absouveu oque podia sobre a cultura hip-hop, se atualizou,chegou a morar com gangsters ne um suburbio norte-americano,tudo no intuito de viver a cultura do hip-hop e usar como lição de vida, e por se identificar com todo esse universo
musical do hip-hop.

Sendo assim, com seu retorno ao Brasil, ele trazia pra galera uma revvolução do hip-hop o trap music.
Ele foi muito criticado, porque por meados de 2011 a 2014 pouco se falava do TRAP.

Em 2014, Coka lança sua primeira Banca de trap BANCA MAXIMUS MAFIA,com um clip até moderno pra época com um ritmo novo do hip-hop (trap) que poucos aqui no Brasil pra não falar ninguém, que conhecia, ou tinha intenção nesse ritmo.

A BANCA MAXIMUS MAFIA, havia mais dois integrantes. Eles tinham pouco equipamento musical, pouca idade, e muita vontade de cantar, se encontravam na fafich no centro recreativo da faculdade de historia NA UFMG, para ensaios, e combinar seus pequenos shows.

E denro da UFMG, saiu suas primeiras iniciativas em pró do hip-hop na capital mineira criou o PRIMEIRO DUELO DE MCS, dentro de um parque ecológico de Belo Horizonte, o parque Fazenda lagoa do nado, que se localiza na zona norte de BH, Bairro Itpaoã.

Com problemas pessoais, uma filha, e responsabilidade, ele se ausentou do universo hiip-hop isso lhe trouxe sentimento de perda, sofreu o mau da depressão e viu que OQUE lhe matava, era ele ter matado a musica dentro dele.

As coisas mudaram, ele hoje é aplicado, dedicado, e profissional no que vem fazendo.

Ele chega a ficar 5 dias dentro de UM estudio, a busca do seu hit perfeito…

Hoje com 28 anos, COM O TRAP MUSIC EM ALTA, O Coka vem chamando atenção de pessoas conceitoadas no ramo artístico.

Murillo Conventi, um dos maiores produtores musicais de São Paulo, diz que se vê diante de um tesouro encontrado. Produtor visionário, Murillo não perdeu tempo e tratou de conhece-lo pessoalmente e facilmente deu liga na parceira.

Hoje Coka está na produtora de Murillo, a Som Star Produtora, e digamos de passagem, que em alto nivel até então, ele repercuti no meio musical,lançaram já um mega CLIPE, e prometendo ainda muita musica boa por vir e muitas novidades.

** A opinião expressa neste texto não é necessariamente a mesma deste site de notícias.

Para ficar por dentro de tudo sobre o universo dos famosos e do entretenimento siga o Cosmopolitam no Google Noticias ou Cosmopolitam no Instagram.

Marcus Lehman

Mais LIdas

© Todos os direitos reservados.