Oinque, de pequeno criadouro a sucesso internacional na criação de mini porcos.

Publicado em

Atualmente, o Brasil é o terceiro maior exportador mundial de produtos agropecuários, com aproximadamente USD 150,1 bilhões, atrás apenas da União Europeia e Estados Unidos.

Em 2024 o setor iniciou o ano batendo recorde no primeiro trimestre, atingindo a marca de US$ 37,44 bilhões.

O que ninguém sabe, é que existem pequenos segmentos dentro da agropecuária, que não entram nessa contagem, onde o trabalho não é focado em produção de alimentos.

Estamos falando da criação de mini animais de estimação, com foco em levar animais que seriam vistos como consumo para lares que buscam um pet para fazer parte da família.

E quando o assunto é mini porco, o Brasil tem como referência a Oinque Minipig, criadouro especializado, que há quase 10 anos se destaca no setor.

Entregando para todos os estados do país e para países próximos, a Oinque faz cerca de 120 vendas de filhotes de porquinhos por ano, e hoje contam também com cerca de 40 vendas de filhotes de mini cabras, e já existe previsão para triplicar esse número.

Whatsapp Image 2024-06-17 At 14.20.31 (1)

O criadouro que começou como pequeno em um sítio familiar da cidade de Esmeraldas MG ganhou destaque rápido ao entender que a criação vai muito além do preço do mini porco.

Se preocupando com todos os cuidados que existem por trás da criação e produção de animais, como o manejo diário, os protocolos de saúde, a logística na entrega e também a assistência dada aos compradores no pós venda.

Como os mini porcos passaram de alimento a animal de estimação?

Essa mudança foi um processo que ocorreu ao longo do tempo e envolveu uma série de fatores. Originalmente, os porcos mesmo que pequenos eram criados para consumo humano em fazendas, mas com o tempo, algumas pessoas começaram a perceber que esses animais podiam ser companheiros carinhosos e extremamente inteligentes, superando até a inteligência dos pets convencionais.

Uma das razões para essa mudança foi a descoberta de que o mini porco, também conhecido como mini pig ou micro pig em algumas regiões, eram menores e mais dóceis do que suas contrapartes maiores. E isso os tornava mais adequados para a vida em ambientes urbanos e domésticos.

Além disso, houve uma mudança nas atitudes em relação aos animais de estimação. As pessoas começaram a ver os porcos como mais do que apenas fonte de alimentação, reconhecendo seu potencial para se tornarem membros valiosos e amorosos de suas famílias.

Whatsapp Image 2024-06-17 At 14.20.32

A crescente popularidade das redes sociais e da internet também desempenhou um papel importante, pois as pessoas compartilhavam fotos e vídeos de seus porcos de estimação, destacando sua inteligência e personalidade única.

Com o tempo, os mini porcos ganharam uma base de fãs dedicada e agora são criados e vendidos especificamente como animais de estimação em muitas partes do mundo.

No entanto, é importante lembrar que a criação precisa ser extremamente criteriosa, e que existem poucos criadores oficiais no mundo, sendo esse um dos fatores que trazem destaque a Oinque e a torna referência nacional e internacional, atendendo a demanda interna e dos nossos países vizinhos, onde há possibilidade de entrega dos filhotes.

Para ficar por dentro de tudo sobre o universo dos famosos siga o Cosmopolitam ou no Instagram.

** A opinião expressa neste texto não é necessariamente a mesma deste site de notícias.

** A reprodução deste conteúdo é estritamente proibida sem autorização prévia.

Ultimas Noticias

Leia Tambem

Leia Mais