Connect with us

Noticias

Flávio Cavalcante, o “Homem dos Bolos” que virou um case de sucesso no Brasil

Publicado a

em

A paixão por preparar bolos e o sonho de ter o próprio negócio, fez de Flávio Cavalcante, fundador do Bolos do Flávio, quebrar estereótipos e faturar mais de 22 milhões por ano

Flávio Cavalcante nasceu em Campina Grande, na Paraíba, e ainda na infância teve contato pela primeira vez com a panificação. Apaixonou-se por Brasília e foi para lá com a esposa e a filha, em 2007, para abrir a primeira loja só de bolos caseiros da região. “Era hábito, em muitas famílias, as avós e mães fazerem bolos para os netos e filhos, em dias normais. Quebramos, de certa forma, esse estereótipo, de que apenas as mulheres fazem bolos”, avalia Flávio.

Hoje, são cerca de quatro mil bolos produzidos diariamente, alcançando uma produção mensal de aproximadamente 100 mil bolos, de forma artesanal, em mais de 40 opções de sabores. “Fomos pioneiros no segmento, começamos a vender bolos na tradicional feira de Sobradinho, no Distrito Federal, e vendíamos entre 10 e 15 bolos por dia”, garante o homem dos bolos.


Segundo Flávio, a principal dificuldade que encontrou ao chegar na cidade foi a falta de recursos, bem como a ausência de investidores em seu negócio. Após quatro meses na capital, o empresário conseguiu alugar um ponto comercial, mesmo sem recursos, já que a proprietária lhe deu um “crédito de confiança” e permitiu que ele efetuasse o pagamento do ponto após 30 dias.

Um dos grandes diferenciais em relação ao restante do mercado é que a Bolos do Flávio faz suas receitas a partir dos ingredientes in natura e não a partir de massa pronta, ou seja, o bolo de cenoura é feito com a própria raiz que chega dos produtores que fornecem para a marca. “A propaganda do negócio, além da receita especial, dos ingredientes naturais e da qualidade, é o cheirinho dos bolos”, afirma Cavalcante.

Com mais de quinze anos, a rede Bolos do Flávio encerrou 2021 com um faturamento de R$ 22 milhões. “O sucesso do negócio tem a ver com o poder que um bolo simples, caseiro e feito na hora, tem de nos remeter a memória afetiva”, comenta o fundador da rede.

Entre os maiores sucessos da rede está o bolo de mandioca com catupiry e goiabada, feito com mandioca ralada fresca, sem adição de trigo. Entre os mais solicitados pelo público está o tradicional bolo de cenoura com cobertura de chocolate. A rede ainda trabalha com opções sem glúten e sem lactose.

Com aproximadamente 70 funcionários e três fábricas, a rede conta com administração familiar. “Tenho planos de abrir mais lojas, mas minhas. Me procuram muito para franquia, mas ainda não penso nisso. Por ser um produto artesanal e por amar acompanhar a produção e verificar a qualidade dos bolos ainda não senti paz em virar franquia”, define Flávio.

Mesmo não sendo abertas a franqueados, as lojas seguem uma rigorosa padronização e Flávio não afrouxa a exigência nem nas unidades que são administradas pelo seu irmão e por sua filha e genro. Além disso, as lojas já passam por um processo de formatação em modelo de franquias para aprimorar ainda mais os processos internos e a qualidade de atendimento. “Acredito que um familiar possa sim fazer parte da empresa e até administrá-la, mas vai ser preciso competência e responsabilidade com a Marca para isso porque excelência é nossa prioridade”, reforça Flávio.

Com 15 anos de sucesso consolidado em Brasília, a rede Bolos do Flávio decidiu mudar de ares e inaugurou duas unidades em São Paulo, uma na região de Alphaville e outra na Rua dos Pinheiros.

** A opinião expressa neste texto não é necessariamente a mesma deste site de notícias.

Para ficar por dentro de tudo sobre o universo dos famosos e do entretenimento siga o Cosmopolitam no Google Noticias ou Cosmopolitam no Instagram.

Tiago Ghidotti

Tiago Ghidotti é formando em jornalismo, alem de ser o CEO e Redator Chefe do EGOBrazil, pode ser encontrado nas redes sociais e também pode ser encontrado através do email contato@egobrazil.com

Mais LIdas

© Todos os direitos reservados.